TRIBUNAL: Empresa contesta concurso da BRAVAL para contratação de 42 trabalhadores

A empresa intermunicipal BRAVAL - Valorização e Tratamentos de Resíduos Sólidos, SA, com sede na Póvoa de Lanhoso, contratou, por concurso público, 42 pessoas em regime de trabalho temporário. Para preencher vagas sazonais na Unidade Mecânica e Biológica e na Triagem de resíduos. Mas um dos concorrentes – a Multitrab-Trabalho Temporário Lda - contestou o concurso em acção no Tribunal Administrativo e Fiscal de Braga. O que obrigou a BRAVAL a suspender o procedimento até que o Tribunal decida. E a ter de recorrer a um concurso limitado, com três empresas convidadas.

Fonte da empresa – que engloba os Municípios de Braga, Vila Verde, Amares, Póvoa de Lanhoso e Terras de Bouro – disse a “O Vilaverdense/PressMinho” que a Multitrab não venceu o concurso por não ter apresentado o valor do seguro obrigatório de acidentes de trabalho e o dos exames, também previstos na lei, de Medicina no Trabalho.

Assim sendo, e por indicação do gabinete jurídico da empresa, a Multitrab perdeu o concurso.
«Agimos estritamente no cumprimento da lei», garantiu aquela fonte.

A contestatária tem interpretação diferente, a de que cumpria os requisitos legais e a de que tinha o melhor preço.

A acção administrativa, no valor de 330 mil euros, tem um “contrainteressado”: a Euveo - Empresa de Trabalho. A Braval vai agora contestar a posição do concorrente.

---
Luís Moreira (CP 8078)
ovilaverdense@gmail.com

    Jornal o VilaVerdense
23 de Abril de 2018 / 12:29

Partilhar no Facebook  Partilhar no Facebook


-MÓS: Festa de Nossa Senhora da Encarnação no fim-de-semana

-SAÚDE: Morte de bebés atinge valor mais baixo de sempre em Portugal

-“A Revolta dos Ecopontos” pelo TIN.BRA na AE de Moure e Ribeira do Neiva

-VILA VERDE: Casa cheia para ouvir os “Acordes” do jazz de Eduardo Cardinho

-BRAGA: BE questiona Governo sobre acessibilidade para pessoas com deficiência na UMinho

-VILA VERDE: Associações passam a ter guia digital e mascote

-GNR: 24 detidos em flagrante delito na passada semana

-MOTOCROSS PICO 2018: Espectáculo das duas e quatro rodas enche pista de público e emoção

-SEMANA CULTURAL: Loureira a mexer com muitas actividades

-Mais de 70 pessoas participaram no Dia da Catequista de Vila Verde

-LOUREIRA CULTURAL: Teatro animou mais uma noite da Semana Cultural

-Forum Braga: nova “sala de estar” da cidade abriu as portas e “reinventou” antigo PEB

-ÚLTIMA HORA: Rixa no Alívio faz pelos menos três feridos

-VILA DE PRADO: GNR identificou homem de 70 anos por incêndio florestal

-“Concurso de Maios” em Freiriz já vai para a XII Edição

-Incêndio de Moure consumiu 21 hectares

-ÚLTIMA HORA: António Vilela não vai a julgamento no caso das multas de estacionamento

-VILA DE PRADO: Apresentação de livro de Jaime Ferreri adiada para 25 de Maio

-Forum Braga abre as portas este fim-de-semana para visitas guiadas gratuitas

-BRAGA: Concurso para obras no mercado municipal contestado judicialmente

-CRIME: Mulher detida por provocar incêndio em Fafe

-MOURE: Bombeiros combatem incêndio no Monte do Castelo

-VILA VERDE: Eduardo Cardinho actua esta noite na segunda edição de “Acordes” da Bullire

-ISAVE participa na Semana da Saúde da Secundária de Vila Verde

-REGIÃO: Associação Florestal do Cávado vai ter mais uma equipa em Barcelos

-LOUREIRA: Encontro de Concertinas garante animação em Dia da Liberdade

-DIA DA LIBERDADE: Vila Verde evoca valores de Abril

-CABANELAS: Grupo de peregrinos partiu rumo a Santiago de Compostela

-CRIME: Dono de bar de alterne de Vila Verde detido no Brasil por tentativa de homicídio

-VILA VERDE: Bombeiros promovem II Encontro de Fanfarras e benzem novas viaturas









Jornal O Vilaverdense