VILA VERDE: PS chumba aumento da subida do preço da recolha do lixo

O executivo municipal de Vila Verde chumbou a actualização do valor a pagar à “Eco Rede/Rede Ambiente”, pelo serviço de recolha do lixo, com os votos contra do PS e a abstenção do PSD.

Na reunião desta segunda-feira, sem a presença do presidente da autarquia, António Vilela, foi discutida a proposta de actualização da tarifa, no seguimento de um pedido feito pela empresa, que solicitou mais 5340 euros anuais por causa do aumento do salário mínimo.

O contrato actual prevê que a empresa receba 495 mil euros anuais, mas, tendo em conta a subida do salário mínimo, apresentou um pedido para passar a receber 500.340 euros por ano.

A empresa sustentou o pedido numa portaria de julho de 2017, que refere que podem ser alvo de atualizações extraordinárias os contratos celebrados antes de 1 de janeiro desse ano relativamente aos quais a componente mão-de-obra indexada ao salário mínimo tenha sido, comprovadamente, o fator determinante na fixação do valor contratual.

Em Outubro, um documento técnico dava conta que o requerimento da empresa e o relatório financeiro «encontram-se em condições de ser deferidos».

Um parecer da Associação Nacional de Municípios Portugueses, entretanto solicitado pela autarquia, dava também conta de que no requerimento da empresa «parece constar a fundamentação económico-financeira para a pretensão requerida».

Esta segunda-feira, em reunião de Câmara, o PS votou contra, dizendo que no contrato de concessão «não se vê, em parte alguma, que o custo da mão-de-obra tenha sido o factor determinante para a fixação do preço contratual».

«E não tendo o custo de mão-de-obra sido, comprovadamente, o factor ou o critério determinante para a fixação do preço contratual, requisito essencial para a aplicação do regime legal de actualização extraordinária do preço do contrato, não cabe este contrato na previsão legal, sendo manifestamente ilegal o aumento do preço aqui requerido e em apreciação», dizem os vereadores socialistas.

Por isso, na perspectiva do PS, o aumento do preço, «por ilegal, manifesta-se prejudicial aos interesses do concelho, com o inerente aumento da despesa municipal que, de forma directa ou indirecta, se irá refletir nos bolsos dos vilaverdense».

Os três vereadores do PSD presentes na reunião abstiveram-se, por considerarem que «não se apresenta claramente demonstrado» que tenha sido o custo da mão-de-obra o factor determinante para a fixação do valor do contrato.

A Câmara vai promover a «audiência prévia» da empresa, para esclarecimento cabal da preponderância da mão-de-obra no contrato.

---
Redacção
ovilaverdense@gmail.com

    Jornal o VilaVerdense
9 de Janeiro de 2018 / 11:36

Partilhar no Facebook  Partilhar no Facebook


-Vilaverdenses na final do maior torneio de golfe amador

-Se comprou uma placa “Eldslaga” no IKEA deve contactar a empresa

-VILA VERDE: Não há recolha de lixo nos dias 25 de Abril e 1 de Maio

-Governo reduz impostos a senhorios com contratos superiores a dez anos

-VILA DE PRADO: Jogos de Tabuleiro motivam encontro familiar na Biblioteca

-INCÊNDIOS: Bombeiros combatem chamas em Pedregais

-Alunos da EPATV organizaram Tertúlia “Cozinha, do Tradicional ao Contemporâneo”

-TRIBUNAL: Empresa contesta concurso da BRAVAL para contratação de 42 trabalhadores

-SANEAMENTO: Obra de mais de 780 mil euros em curso em Cabanelas

-LOUREIRA: Encontro de Concertinas no dia 25 de Abril

- GNR: 148 detidos em flagrante no fim-de-semana

-REGIÃO: Buscas por pescador desaparecido sábado no rio Minho retomadas

-“Semana da Saúde” até sexta-feira na ESVV

-BRAGA: Museus D. Diogo e Pio XII cedem peças para mostra em Ourense sobre reino suevo

-DESTAQUE: Tradição e muita gente no VI Festival de Folclore do Vale do Homem

-BRAGA: Concerto ‘Outro Tempo, José Afonso’ marca comemorações do 25 de Abril

-CRIME: Vilaverdense detido em Amares na posse de 95 gr de haxixe

-CABANELAS: “Sopas e Caldos” para juntar comunidade e angariar verbas

-AAUMinho arrecada bronze no basquetebol masculino

-ACTIVIDADE GNR: 46 pessoas detidas nas últimas doze horas… um morto e três feridos graves em 64 acidentes de trânsito

-BRAGA: Câmara promoveu formação em animação Stop Motion para prof’s

-FUTEBOL (Pró-Nacional): GD Prado com teste de fogo frente ao Taipas

-FUTEBOL (I Divisão): Lanhas quer surpreender o líder

-VILARINHO: Associação assinala Dia da Mãe no primeiro fim-de-semana de Maio

-SOLIDARIEDADE: JS Vila Verde entrega bens na Loja Social de Prado

-Autarcas monárquicos entregaram «medalha de honra» a Miguel Albuquerque, Presidente da Madeira

-DESTAQUE: Câmara de Braga dá cheque veterinário a famílias carenciadas

-REGIÃO: ISAVE promoveu seminário sobre Literacia em Saúde

-BRAGA: Luís Represas visitou crianças no Serviço de Pediatria

- ACTIVIDADE GNR: 36 detidos nas últimas 12 horas









Jornal O Vilaverdense