POLÍTICA: Eleição de delegados vilaverdenses ao Congresso distrital da JS «ferido de ilegalidade»

A Comissão Nacional de Jurisdição da JS ordenou que seja considerada inválida a eleição de delegados ao Congresso da Federação de Braga da Concelhia de Vila Verde, em virtude de o acto estar «ferido de ilegalidade».

No despacho, a que “O Vilaverdense” teve acesso, aquela Comissão ordena ainda que os militantes Alexandre Lopes e André Carvalho, respectivamente presidente da Mesa da Assembleia e presidente da Comissão Política da JS Vila Verde, sejam constituídos arguidos.

«A eleição de delegados da Concelhia de Vila Verde ao Congresso da Federação de Braga está ferida de ilegalidade, uma vez que não respeita o direito de militante a ser candidato a órgão da Juventude Socialista nos termos dos seus Estatutos», entende a Comissão Nacional de Jurisdição.

Em causa está o facto de não ter sido admitida uma outra lista, liderada pela militante Raquel Cunha, na eleição dos delegados da Concelhia de Vila Verde ao Congresso Federativo de Braga, cujas eleições decorreram no dia 27 de Dezembro, na sede da Concelhia.

A Comissão Nacional de Jurisdição deu como provado que essa lista foi apresentada de forma válida, através de um “e-mail” enviado para a própria Comissão Organizadora do Congresso Federativo de Braga, no dia 25 de Dezembro, em virtude de a sede da Concelhia se encontrar fechada.

«Os documentos enviados confirmaram que a militante Raquel Cunha enviou a sua candidatura atempadamente para o “e-mail” da COC e que o mesmo órgão o remeteu ao presidente da Mesa da Assembleia Concelhia de Vila Verde», lê-se no despacho.

No entanto, no dia da eleição, o presidente da Mesa da Assembleia, «aconselhado pelo presidente da Concelhia», que deu início à eleição apenas com uma lista a votação, «ignorando a existência de outra candidatura».


VISADOS VÃO RECORRER E NEGAM ILEGALIDADES

Os dois dirigentes da JS Vila Verde visados pela Comissão Nacional de Jurisdição, Alexandre Lopes e André Carvalho, vão recorrer da decisão e garantem estar de «consciência tranquila», refutando a existência de qualquer ilegalidade.

«O que se passou foi muito simples: houve uma lista apresentada fora de prazo e que nem sequer foi entregue ao presidente da Mesa. Estamos de consciência tranquila», disse, ao jornal “O Vilaverdense”, André Carvalho.

De acordo com o responsável, «o fundamento da denúncia é totalmente aleatório e injustificado», porque «não existe evidência da tentativa de contacto», além de que é necessário que a denúncia seja apresentada por membros internos da Concelhia de Vila Verde, «o que não aconteceu».

---
FOTO: Arquivo

---
Ricardo Reis Costa (CP 10478)
ovilaverdense@gmail.com

    Jornal o VilaVerdense
8 de Janeiro de 2018 / 10:37

Partilhar no Facebook  Partilhar no Facebook


-Vilaverdenses na final do maior torneio de golfe amador

-Se comprou uma placa “Eldslaga” no IKEA deve contactar a empresa

-VILA VERDE: Não há recolha de lixo nos dias 25 de Abril e 1 de Maio

-Governo reduz impostos a senhorios com contratos superiores a dez anos

-VILA DE PRADO: Jogos de Tabuleiro motivam encontro familiar na Biblioteca

-INCÊNDIOS: Bombeiros combatem chamas em Pedregais

-Alunos da EPATV organizaram Tertúlia “Cozinha, do Tradicional ao Contemporâneo”

-TRIBUNAL: Empresa contesta concurso da BRAVAL para contratação de 42 trabalhadores

-SANEAMENTO: Obra de mais de 780 mil euros em curso em Cabanelas

-LOUREIRA: Encontro de Concertinas no dia 25 de Abril

- GNR: 148 detidos em flagrante no fim-de-semana

-REGIÃO: Buscas por pescador desaparecido sábado no rio Minho retomadas

-“Semana da Saúde” até sexta-feira na ESVV

-BRAGA: Museus D. Diogo e Pio XII cedem peças para mostra em Ourense sobre reino suevo

-DESTAQUE: Tradição e muita gente no VI Festival de Folclore do Vale do Homem

-BRAGA: Concerto ‘Outro Tempo, José Afonso’ marca comemorações do 25 de Abril

-CRIME: Vilaverdense detido em Amares na posse de 95 gr de haxixe

-CABANELAS: “Sopas e Caldos” para juntar comunidade e angariar verbas

-AAUMinho arrecada bronze no basquetebol masculino

-ACTIVIDADE GNR: 46 pessoas detidas nas últimas doze horas… um morto e três feridos graves em 64 acidentes de trânsito

-BRAGA: Câmara promoveu formação em animação Stop Motion para prof’s

-FUTEBOL (Pró-Nacional): GD Prado com teste de fogo frente ao Taipas

-FUTEBOL (I Divisão): Lanhas quer surpreender o líder

-VILARINHO: Associação assinala Dia da Mãe no primeiro fim-de-semana de Maio

-SOLIDARIEDADE: JS Vila Verde entrega bens na Loja Social de Prado

-Autarcas monárquicos entregaram «medalha de honra» a Miguel Albuquerque, Presidente da Madeira

-DESTAQUE: Câmara de Braga dá cheque veterinário a famílias carenciadas

-REGIÃO: ISAVE promoveu seminário sobre Literacia em Saúde

-BRAGA: Luís Represas visitou crianças no Serviço de Pediatria

- ACTIVIDADE GNR: 36 detidos nas últimas 12 horas









Jornal O Vilaverdense