VILA VERDE: JS acusa Câmara de «discriminar» famílias com um dependente

A Juventude Socialista (JS) de Vila Verde veio a público, esta terça-feira, acusar a Câmara Municipal de «discriminar» as famílias com um dependente, a propósito da proposta, ontem aprovada, sobre o Imposto Municipal sobre Imóveis.

«Pelo segundo ano consecutivo, apenas as famílias com mais do que um filho poderão beneficiar desta redução. Apesar do PS ter apresentado uma proposta alternativa para serem incluídas famílias com apenas um filho ou dependente a cargo, a proposta foi chumbada pelo PSD», refere a “jota”.

Segundo os socialistas, «existem aproximadamente 6.100 famílias com dependentes a cargo, das quais mais de 50% são agregados com um dependente».

«Num concelho em que a maioria das famílias tem apenas um dependente e que quer cativar casais jovens, que estão a iniciar a sua vida e tem na generalidade apenas um filho, não será do interesse de todos abranger todas as famílias e não apenas algumas com estes benefícios?», questionam.

No comunicado, a JS refere que actualmente «a receita proveniente deste imposto faz a Câmara arrecadar mais de 2.5 milhões de euros».

Tal como “O Vilaverdense” noticiou, o executivo municipal de Vila Verde aprovou, esta segunda-feira, por unanimidade, a proposta de fixação do IMI para Prédios Urbanos no valor mínimo de 0,3%.

A mesma proposta da maioria social-democrata consagra reduções para agregados familiares numerosos, de 40€ para as famílias com dois dependentes a cargo e de 70€ para as famílias com três ou mais dependentes a cargo.

O PS queria ir mais longe, defendendo uma redução de 20€ para agregados com um dependente a cargo.

Por isso, apesar de terem aprovado a proposta social-democrata, os vereadores socialistas apresentaram «um documento alternativo» que visava contemplar as famílias com um filho a cargo de benefícios fiscais no IMI.

---
Redacção
ovilaverdense@gmail.com

    Jornal o VilaVerdense
5 de Dezembro de 2017 / 11:51

Partilhar no Facebook  Partilhar no Facebook


Outras notícias

-EPATV debateu refugiados em videoconferência com Amnistia Internacional

-ELEIÇÕES PSD: Santana visita Vila Verde este sábado …com líder da concelhia (Rui Silva) a puxar por Rio

-DESTAQUE: Presépio homenageia vítimas dos incêndios

-CASO: Jovem adepto vilaverdense apanhado com tocha em Alvalade aguarda decisão judicial

-VILA VERDE: Câmara acolhe exposição de presépios das IPSS do concelho

-Governo concede tolerância de ponto no dia 26

-Hospital de Braga iniciou hoje programa “Natal no Hospital”

-BRAGA: S. Silvestre condiciona trânsito este domingo

-Arca do Bebé da Associação Famílias entregou dez enxovais no Hospital de Braga

-VILA VERDE: Utentes da APPACDM deram corpo à Festa de Natal

-Turma do Programa Integrado de Educação e Formação do Agrupamento de Escolas Prado participou no projecto “Justiça para Tod@s “

-Carlos Cação recebe mais uma viatura para os Sapadores Florestais de Vila Verde

-ENSINO SUPERIOR: Carla Cruz (PCP) pede explicações sobre ‘nega’ do governo em reforçar verbas à UMinho

-ÚLTIMA HORA (Vila de Prado): Incêndio destrói parcialmente garagem de habitação no Bom-Sucesso

-PICO DE REGALADOS acolhe 2ª Feira Solidária este domingo (17 de Dezembro)

-CASO DE POLÍCIA: Capitão do Aboim apresentou queixa na GNR de Vila Verde

-ÚLTIMA HORA: Vilaverdense FC com verbas da Taça de Portugal penhoradas

-Taça de Portugal. Vilaverdense FC caiu aos pés de Doumbia e Gelson

-PSP e ICNF organizaram exame único para obtenção de carta de caçador e licença de uso e porte de arma de caça

-BRAGA: Defesa de Mesquita Machado quer provar que “negócio das Convertidas” não beneficiava família

-António Vilela: «Qualquer que seja o resultado, o Vilaverdense já venceu»!

-Vilaverdense FC com enorme apoio em Alvalade

-BARCELOS: Nove meses de prisão por insultar juiz

-VILA VERDE: Feira de Santa Luzia rica em sabores da terra

-Projecto “OPEN B” do CLDS3G promoveu "Decoração Comunitária do Bairro Barcelos II"

-Jogador do Aboim AC esfaqueia colega na cara

-Assaltantes do Montepio Geral de Palmeira presos pela PJ tinham explosivos

-CLDS-3G Vila Verde inaugurou Exposição dos Direitos Humanos 2017

-PS considera que «apoio financeiro aos clubes e colectividades desportivas de Vila Verde é tardio e pouco abrangente»

-VALE DO HOMEM: Sócios da AEVH aprovaram criação de Sedes em Amares, Terras de Bouro e Vila Verde / «Queremos ser um parceiro estratégico das dinâmicas empresariais no Vale do Homem» - Jorge Pereira









Jornal O Vilaverdense