EPATV assinalou o Dia das Eco-Escolas

A Escola Profissional Amar Terra Verde celebrou esta sexta-feira o Dia Internacional Eco-Escolas, dinamizando várias actividades de sensibilização para a proteção das florestas com o propósito de «cumprir o seu papel de educador ambiental».

O tema do ano é novamente “Floresta”, devido aos episódios que assolaram o Verão português – os incêndios – e que causaram uma destruição maciça de zonas florestais.

As actividades começaram pela manhã, com uma acção de reflorestação em S. Miguel-o-Anjo, na freguesia de Prado S. Miguel, onde foram plantados carvalhos, pinheiros e medronheiros pela comunidade escolar, com a parceria da Câmara de Vila Verde.

Inicialmente, os alunos foram sensibilizados para os cuidados a ter ao longo de todo o ano, especialmente antes dos períodos mais críticos, fomentando a preservação e conservação das florestas.

Posteriormente, os jovens “arregaçaram as mangas” e procederam à plantação.

De regresso à escola, os alunos assumiram o mesmo compromisso, plantando um castanheiro no jardim da EPATV.


EXPOSIÇÃO DE REALIDADE AUMENTADA

Foi ainda inaugurada uma Exposição de Realidade Aumentada que pretende criar uma interacção com o público, onde, com apenas um dispositivo móvel, os visitantes, focando os vários elementos presentes na tela, visualizam todas as fotografias que integram a exposição.

«O objectivo primordial desta actividade consiste em abordar a problemática das florestas de uma forma sustentável, ecológica, rápida e atractiva para os nossos jovens», explica a EPATV.

As fotografias retratam a fauna e flora do Gerês e são da autoria do professor António Cunha.

A cerimónia encerrou com o hastear da bandeira verde, que simboliza o reconhecimento do trabalho realizado em prol do ambiente, no ano lectivo anterior.

Este momento contou com a presença do Director Geral da EPATV, João Luís Nogueira, do representante da Câmara Municipal de Vila Verde, Adelino Machado, e de toda a comunidade escolar.

---
Redacção
ovilaverdense@gmail.com