GONDIÃES inaugurou obras de requalificação do Adro e Sacristia e benzeu a Casa Mortuária

A paróquia e freguesia de Gondiães, Vila Verde, inauguraram, esta manhã, as obras de requalificação do Adro e Sacristia, uma cerimónia que contemplou ainda a bênção da Casa Mortuária. O centro cívico da freguesia está agora renovado, após um investimento a rondar os 200 mil euros. Mas a junta de Pico, Gondiães e Mós, liderada por César Cerqueira, quer mais: «com a ajuda da câmara, vamos avançar com a requalificação da avenida da igreja e com os arranjos da zona envolvente à junta». Um repto que mereceu a anuência do presidente da câmara: «vamos concretizar essas obras, mas - antes ainda – vamos instalar a rede de saneamento e outras infra-estruturas básicas».

Foi em ambiente festivo, em manhã quente, que o povo de Gondiães assistiu ao momento. Com a bênção do pároco local, padre Angelino Kamati, e do padre António Rodrigues, ficou uma nota comum a todos os intervenientes: «as obras só foram possíveis graças ao envolvimento do povo de Gondiães e da colaboração estreita entre a Junta, a Fabriqueira e a câmara municipal». Aliás, foi o secretário da junta e ex-presidente antes da união de freguesias, Paulo Renato Rocha, que destacou «o apoio do povo de Gondiães», com a realização de diversos jantares de angariação de fundos e outras actividades.
«Convido esta comunidade a continuar a trabalhar em conjunto e unida», referiu, a propósito, o padre Angelino Kamati.

NOVAS OBRAS
O presente está aí, mas o futuro levanta novos desejos: «queremos acabar estas obras, com os arranjos exteriores e envolvente à junta de freguesia (estacionamento, passeios e ajardinamento)». O autarca local, César Cerqueira, anunciou ainda que «a avenida da Igreja (desde o cruzeiro) vai ser requalificada. Esperamos o contributo da câmara municipal».

O presidente da câmara, António Vilela, respondeu: «certamente vão ter esta avenida requalificada, pois não fazia sentido realizar estas obras e a avenida da igreja ficar sem o mesmo padrão. Vamos apenas instalar o saneamento e, logo após, avançaremos com a requalificação da avenida». Porém, pediu «a colaboração de todos» para que seja possível o alargamento da via «e a realização da obra com a maior dignidade possível».

Para já, o povo de Gondiães passa a desfrutar de uma zona cívica central da freguesia completamente requalificada. As obras agora inauguradas contemplaram o arranjo do adro e envolvente (estrada, passeios, estacionamento), da própria sacristia e a construção da Casa Mortuária, um edifício que alberga ainda um salão paroquial, um espaço localizado no rés-do-chão para actividades diversas da freguesia.

---
Redacção / CMS (CP 3022)
ovilaverdense@gmail.com