ÚLTIMA HORA – “Puto” de Oriz e “Re” de Barbudo condenados na rede de “Batman"

Os dois jovens de Vila Verde acusados na rede do “Batman”, por crimes de tráfico de menor gravidade, foram esta tarde condenados a penas suspensas.
Renato Miguel Braga Leite (“Re”), de Barbudo, apanhou dois anos e três meses, enquanto André Diogo Meneses Gomes (“Puto”), de Oriz Santa Marinha, teve a pena dois anos.


André “Puto” terá de prestar 480 horas a favor da comunidade, a fim da sua pena ser de facto suspensa e Renato “Re” ficará sujeito ao regime de prova.

Na base do julgamento está uma das maiores operações de sempre da GNR de Braga e que incidiu inclusivamente na cidade de Braga, como os Bairros do Monte Picoto e de Nogueira da Silva, frente ao Estádio 1º de Maio.

Para dois irmãos Rocha, de Ferreiros, Amares, foram aplicadas condenações pelo Tribunal de Braga, na rede de “Batman”, por crimes de tráfico de droga, mas ambos com a pena suspensa, mediante condições que aceitaram imediatamente na sala de audiências.

Os irmãos, Daniel Ferreira da Rocha e Nuno Ferreira da Rocha, com 24 e 21 anos de idade, respectivamente, tiveram o primeiro a pena de dois anos e meio e o segundo uma penalização de um ano e meio, ambos por crime de tráfico de droga de menor gravidade e com destinos diferentes, conforme decidiu hoje a juíza-presidente, Marlene Rodrigues.

Para a execução das suas penas de prisão, o Tribunal Colectivo de Braga determinou ao o mais velho, Daniel Ferreira da Rocha, regime de prova e tratamento ao seu problema de toxicodependência, enquanto o mais novo prestará 380 horas trabalho à comunidade.
Entretanto, o Tribunal Criminal de Braga aplicou a condenação de oito anos de prisão a Emanuel Alexandre Dias da Silva (“Shima”), da freguesia de Bonfim, na cidade do Porto, que abasteceria o casal de namorados Nuno Miguel Ferreira Costeira (“Batman”) e Sara Inês Santos Oliveira, residentes em Cristelo, Barcelos.
no caso da rede de tráfico de droga de Nuno Costeira (“Batman”), no total de quatro condenações a prisão efetiva entre os 23 arguidos ontem sentenciados.

A juíza-presidente, Marlene Rodrigues, destacou que se “Shima” não tivesse confessado o seu envolvimento no grupo, teria uma pena nunca inferior a dez anos e meio, “dada a imensa panóplia de prova”, já após ter sido condenado pelo Tribunal de São João Novo.
Nuno Costeira (“Batman”), teve seis anos de prisão efectiva, enquanto a sua namorada Sara Inês apanhou quatro anos e oito meses de pena suspensa, tendo sido logo libertada, já não tendo assim regressado à Cadeia de Santa Cruz do Bispo, em Matosinhos.

José Gomes Pereira (“Zé Francês”), de Rendufinho, Póvoa de Lanhoso, este o único a aguardar o recurso em liberdade provisória, apesar de ter uma condenação de três anos de prisão efectiva, porque aguarda o recurso para o Tribunal da Relação de Guimarães.
Vítor Barreto Pereira Dias Barreto, natural de Barroselas e residente em Valença, teve uma pena de prisão efectiva de seis anos e meio.

---
Redacção / JG (CP 2015)
Ovilaverdense@gmail.com

    Jornal o VilaVerdense
20 de Abril de 2017 / 20:12

Partilhar no Facebook  Partilhar no Facebook


Outras notícias

-CABANELAS: Fortalecimento das relações com município de Carballiño (Galiza) e "irmãos" galegos de Cabanelas abre Semana Cultural

-NEVOGILDE honrou Santa Marinha com majestosa procissão

-VILA VERDE: Festival Folclórico Internacional de Vila Verde 2017 reúne Infantil de Vila Verde e representações da Sérvia e Argentina

- GNR regista dois mortos e três feridos graves nas últimas 12 horas

-PRADO S.MIGUEL (Vila Verde): Rancho Folclórico assinala 37 anos de vida com missa comemorativa e festival folclórico

-CRIME: GNR/Braga deteve quatro homens que furtavam tampas de saneamento

-Músico Luís Pinho e fadista Isa de Castro brilharam na II Gala do Fado

-Agrupamento de escolas de Moure e Ribeira do Neiva entrega cerca de 90 diplomas a adultos e alunos do vocacional

-FUTEBOL: GD Prado arrancou com o objectivo de se cimentar na Pró-Nacional

-ACTIVIDADE GNR: Um morto e três feridos graves nas últimas doze horas

-RIBEIRA DO NEIVA: Perto de 2 mil pessoas no concerto solidário do padre Sandro por Pedrógão Grande

-VILA VERDE: Academia de Música encerra Férias de Verão com concerto musical

-DESTAQUE (Vila de Prado): Praia do Faial continua com bandeira vermelha 21 dias depois da interdição / «Respeitamos a ARS, mas é incompreensível…» - Patrício Araújo

-VILA DE PRADO: Populares organizam actividades lúdicas e juntam dezenas de crianças na Praia do Faial

-ÚLTIMA HORA (Vila Verde): Acidente na Loureira faz dois feridos ligeiros e volta a levantar questão da "rotunda"

-CRIME: Detido quando tentava fugir com 45 mil euros de artigos furtados

-FREIRIZ: Convívio de Verão de 4 a 6 de Agosto

-Fim-de-semana mais quente, com vento e alguma chuva este sábado no Minho

-UMINHO: 10.º ‘Verão no Campus’ acolhe 400 alunos do ‘Secundário’ nacionais e estrangeiros

-RIBEIRA DO NEIVA: Festa/Convívio em Rio Mau no próximo fim-de-semana

-NEVOGILDE: Festa de Santa Marinha decorre durante o fim-de-semana

-REGIÃO (BRAGA): Acordo entre Câmara e Arquidiocese transforma Cinema S. Geraldo em Media Arts Centre

-IEFP e Primavera assinam protocolo para combater desemprego e aumentar formação tecnológica

-TRIBUNAL: Relatórios falsos em processos de invalidez

-“Águas do Norte” avança com ligação do saneamento em Marrancos ao interceptor do Neiva

-PASSÔ (Vila Verde): Perícia automóvel de Kart Cross no dia 6 de Agosto

-VILA VERDE: Carro ficou suspenso em barreira à entrada de supermercado

-SAÚDE: ACES Gerês/Cabreira desenvolve projecto de acompanhamento a vítimas de AVC a partir de Setembro

-OLEIROS (Vila Verde): Festa de Nossa Senhora dos Anjos com Maria Lisboa

-ALERTA: Trânsito condicionado na centro de Braga esta quinta-feira









Jornal O Vilaverdense